24° Congresso Cearense de Cardiologia

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

A IMPORTÂNCIA DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AO PACIENTE COM INSUFICIÊNCIA CARDÍACA CONGESTIVA E ANEURISMA DE AORTA ABDOMINAL

Resumo estruturado

INTRODUÇÃO: A Insuficiência Cardíaca (IC) é consequência de grande parte das doenças cardíacas, configurando-se em um grave problema de saúde pública, em razão de ser um problema epidêmico em progressão com altos números de hospitalização com reinternações frequentes, associados à morbimortalidade. Desse modo, apresenta-se como um desafio a abordagem de tal complexidade acrescida ao fato de que a IC é a causa mais comum de internação por doença cardiovascular. O aneurisma da aorta abdominal (AAA), é definido como uma dilatação localizada com pelo menos uma vez e meia o diâmetro transversal da aorta presumivelmente normal. A etiologia mais frequente é um processo degenerativo não específico (comumente considerado aterosclerótico) em 95% dos casos. OBJETIVO: Relatar a experiência vivida durante estágio acadêmico, discutindo sobre a importância de uma assistência de enfermagem de qualidade ao paciente com ICC e AAA, através da sistematização de enfermagem, identificando seus diagnósticos de enfermagem e suas intervenções. MÉTODO: Estudo descritivo do tipo relato de experiência, realizado em abril de 2017 em um hospital terciário na cidade de Fortaleza, estado do Ceará. A sistematização de enfermagem e o exame físico foram os métodos utilizados para coleta de dados. O presente trabalho não passou pelo comitê de ética, por se tratar de um relato de experiencia, o mesmo não necessita de aprovação do CEP/CONEP. RESULTADOS E DISCUSSÃO: Foram identificados os seguintes diagnósticos de enfermagem: Ansiedade em relação ao medo de morrer, mobilidade física prejudicada, padrão de sono prejudicado decorrentes de fatores externos como barulho e luminosidade, constipação/diminuição na frequência normal de evacuação e conhecimento deficiente. Intervenções: Explicar o processo de doença ao paciente e a família, planejar períodos de repouso, estimular a deambulação e explicar sua importância, ensinar o processo da patologia de maneira clara, realizar o controle do ambiente mantendo o conforto, controle da nutrição como também da ingestão hídrica. Sabe-se que o enfermeiro tem papel ativo no cuidado, identificando e intervindo com exatidão e rapidez quando necessário, o olhar crítico e a confiança a nós estabelecida nos dão a liberdade e certeza de que podemos prevenir complicações, buscando sempre alcançar resultados esperados através dos diagnósticos corretos. CONCLUSÃO: O presente trabalho nos possibilitou um estudo aprofundado sobre a sistematização de enfermagem, visto que é necessário para a identificação de diagnósticos de enfermagem tendo base a anamnese e o exame físico. Cumpre salientar, portanto, que é necessário o conhecimento profissional em relação a doenças cardíacas, para proporcionar melhor atendimento e assistência direcionada e de qualidade ao paciente hospitalizado.

Palavras-chave (de 3 a 5)

Cardiologia; Enfermagem; Diagnóstico de Enfermagem;

Área

Clínico

Autores

Vanessa Vieira de Sousa, Magilson Rodrigues da Silva, Mykely Brito Vieira, Maria Ivany Ferreira dos Santos, Joab Silva Mesquita, Érica Vanessa Matos de Freitas