V Congresso Cearense de Infectologia

Página Inicial » Inscrições Científicas » Trabalhos

Dados do Trabalho


Título

Detecção do gene RYP1: Estratégia promissora para o diagnóstico precoce de histoplasmose disseminada?

Resumo estruturado

Histoplasma capsulatum é um fungo dimórfico causador da histoplasmose, uma micose endêmica nas Américas, comum em indivíduos com HIV/aids. Neste grupo de pacientes, a patologia manisfesta-se mais frequentemente como quadro disseminado grave. Quanto aos achados clínicos, os pacientes apresentam manisfestações como febre, adinamia, tosse, perda de peso, dispneia, hepatoesplenomegalia, sintomas gastrintestinais e lesões cutâneas. Achados laboratoriais incluem pancitopenia e elevação de níveis de desidrogenase láctica. O diagnóstico microbiológico da histoplasmose pode ser firmado por técnicas convencionais, nas quais se insere a cultura, considerada padrão-ouro. Nos últimos anos, ferramentas moleculares têm sido propostas como alternativas para o diagnóstico da histoplasmose diretamente do espécime clínico devido à rapidez dos resultados e por dispensar a manipulação do patógeno na sua forma infectante. Neste contexto, objetivou-se analisar o gene RYP1, um regulador transcricional da transição da fase filamentosa para a fase leveduriforme do fungo, como alvo para o diagnóstico molecular da histoplasmose. A detecção molecular por PCR simples do gene RYP1 foi realizada 19 amostras de sangue humano (13 amostras de pacientes com histoplamose, 01 amostra de paciente com cocccidoidomicose e 05 amostras de indivíduos saudáveis). A detecção ocorreu em 13/13 espécimes clínicos de pacientes HIV positivos com histoplasmose disseminada. Ademais, para controle dos testes foram incluídas cepas de Histoplasma capsulatum (n = 2), Paracoccidioides brasiliensis (n = 2), Coccidioides posadasii (n = 1), Sporothrix schenckii (n = 1) e Candida albicans (n = 1). Nenhuma detecção foi observada nas amostras consideradas controles negativos. Nesse contexto, o gene RYP1 consiste em uma região alvo promissora para o diagnóstico precoce da histoplasmose.

Palavras-chave (máximo 3)

Histoplasmose, diagnóstico molecular, gene RYP1

Área

Miscelânea

Autores

SILVIANE PRACIANO BANDEIRA, GLAUCIA MORGANA MELO GUEDES, TEREZINHA DE JESUS SANTOS RODRIGUES, RAIMUNDA SAMIA NOGUEIRA BRILHANTE, ROSSANA AGUIAR CORDEIRO, MARCOS FABIO GADELHA ROCHA, DEBORA COLLARES MAIA CASTELO-BRANCO, JOSE JÚLIO COSTA SIDRIM